Sobre mim

Sou um cidadão sem fronteiras que luta por um mundo melhor, sem corrupção, em defesa da justiça social e do respeito pelos povos …

Nasci em Timor-Leste, na cidade de Díli, Suco de Lahane Oriental, Posto Administrativo de Nain Feto, no dia 1 de Maio, já lá vão mais de 50 anos. Reparti a minha vida pessoal, profissional e política por Timor-Leste, Angola e Portugal, considerando-me um militante de causas e um agente de mudança.

O meu percurso de vida pessoal, social, profissional e político, teve e tem como principais fontes de inspiração o meu Avô Ayres de Menezes [médico e nacionalista africano], o meu Pai Manuel Pedro Azancot de Menezes [médico cirurgião e ginecologista] que trabalhou arduamente em Cabo Verde, São Tomé e Príncipe, e muito particularmente, em Timor-Leste e em Angola, o meu Tio Hugo Azancot de Menezes [médico e um dos fundadores do MPLA] e o meu Tio Óscar Jacob Azancot de Menezes [Engenheiro Agrónomo e Investigador], todos eles grandes intelectuais e nacionalistas africanos, referências obrigatórias na nossa família, a quem presto a minha humilde homenagem. Os meus agradecimentos pelo que sou, não posso deixar de o referenciar, devem-se também à minha querida mãe, ainda em vida, com 87 anos de idade [2015], e que foi uma das principais responsáveis pela minha excelente formação humana e ética.

Fui um dos fundadores da Associação Socialista de Timor (AST), actualmente Partido Socialista de Timor (PST), do qual sou membro do Bureau Político e do Comité Central, e sou membro fundador da Brigada Negra (BN), um dos comandos operacionais afectos às FALINTIL (ex. Forças Armadas de Libertação Nacional de Timor-Leste).

Na qualidade de responsável pela Representação Diplomática do PST no Exterior, durante a luta de libertação nacional de Timor-Leste, em Portugal, junto dos PALOP, e nas Nações Unidas, com o apoio da Rede Internacional liderada pelo grande revolucionário argentino Carlos Alga, infelizmente já falecido, coordenei uma dificílima campanha internacional com a recolha de mais de 5 mil assinaturas para libertar o líder do PST, Avelino Coelho da Silva [Shalar Kosi], então refugiado na Embaixada da Áustria em Jacarta desde 19 de Setembro de 1997 e durante mais de um ano, para impedir que fosse capturado e torturado com a sua família pela polícia secreta indonésia, no tempo da ditadura.

Na qualidade de Delegado do Partido Socialista de Timor participei no Congresso Nacional do CNRT realizado em Díli (20 a 30 de Agosto de 2000), em 2001 fui candidato do Partido Socialista à Assembleia Constituinte de Timor Leste, e exerci temporariamente as funções de Deputado do Partido Socialista de Timor no Parlamento Nacional (Dezembro de 2004). Em 1992, 1995 e 1996, apresentei petições no Conselho Económico das Nações Unidas em Nova Iorque a favor da autodeterminação e independência de Timor-Leste.

Antes da proclamação unilateral da independência em 11 de Novembro de 1975, na qualidade de militar voluntário das FAPLA [ex-braço armado do MPLA/Movimento Popular de Libertação de Angola na luta anti-colonialista], na especialidade de “Morteiro 120 mm” integrei a equipa que com os cubanos combateram ao lado do MPLA, tendo estado no Centro de Instrução Revolucionária (CIR) Kimpuanza, em Luanda, com o então Comissário Político José Vieira Dias Van-Dúnem, actualmente membro do Comité Central do MPLA e ex-Ministro da Saúde da República de Angola.

Na área da educação e investigação, em Luanda [2007/2014], fui Professor Auxiliar e Professor Associado do Departamento de Ciências da Educação do Instituto Superior de Ciências da Educação de Luanda, tendo desempenhado funções como Chefe do Departamento de Estudos, Planeamento e Estatística, e sido responsável pela abertura da Iª Edição do Curso de Mestrado em Ciências da Educação, organizado em parceria com a Universidade de Lisboa.

Como contributo para Angola também aceitei integrar a equipa técnica responsável pelo PNFQ – Plano Nacional de Formação de Quadros [2012] na área do Ensino Superior e da Formação de Professores, e realizei vários estudos nacionais sobre a Reforma Educativa [2010] e sobre a acessibilidade e o financiamento do ensino superior [2013]. Escrevi artigos sobre educação no «Jornal de Angola» e no «Semanário A Capital», e publiquei um livro intitulado «Reflexões sobre Educação» editado pela Editora Mayamba, para além de intervenções públicas, sempre em defesa da educação inclusiva e da cidadania democrática.

Em Portugal, no período compreendido entre 1990 e 2006, fui professor profissionalizado do ensino secundário e formador de professores acreditado pelo Conselho Científico-Pedagógico da Formação Contínua, tendo coordenado e ministrado acções de formação para professores e outros profissionais da educação.

Em Timor-Leste, em termos profissionais e políticos, sou Pró-Reitor da Universidade de Díli para as Áreas de Inovação Pedagógica, Avaliação Institucional e Relações Internacionais, e Secretário-Geral do Partido Socialista de Timor (PST), eleito no IV Congresso Nacional do Partido realizado nos dias 12 e 13 de Setembro de 2015, em Díli, Timor-Leste.

One thought on “Sobre mim

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s